Petrobras deve adiar para abril ofertas para primeiras refinarias

10/02/2020 – A Petrobras deve adiar para abril a data de recebimento das ofertas vinculantes para o processo de venda do primeiro pacote de refinarias do programa de desinvestimentos. A data prevista inicialmente era 6 de março.

Conforme informado ontem pelo Valor PRO, serviço de informações em tempo real do Valor, com base em fontes a par do assunto, o adiamento se deve a um pedido das próprias participantes do processo. Isso porque houve a entrada de novos interessados, entre grupos financeiros e não-financeiros, que estão discutindo a associação com os atuais candidatos.

Neste primeiro bloco estão as refinarias Abreu e Lima (Rnest), em Pernambuco; Landulpho Alves (Rlam), na Bahia; Presidente Getúlio Vargas (Repar), no Paraná; e Alberto Pasqualini (Refap), no Rio Grande do Sul. Na etapa anterior, de ofertas não vinculantes, a Petrobras havia recebido cerca de cinco propostas por refinaria.

Para ler esta notícia, clique aqui.

Fonte: Valor Econômico*

*Extraído do site Fecombustíveis

🎬Confira também o passo a passo da configuração do encerrante na NFCe. Clique aqui e configure no LBC Gas.