Etanol sobe em 16 Estados e no DF, diz ANP; preço médio avança 1,36% no País

30/10/2018 – Na média dos postos brasileiros pesquisados pela ANP, houve alta de 1,36% no preço do etanol na semana passada, para R$ 2,983.

Em São Paulo, principal Estado produtor e consumidor, a cotação média do hidratado avançou 1,52% sobre a semana anterior, de R$ 2,768 para R$ 2,810 o litro. No período de um mês os preços do combustível avançaram 6,40% nos postos paulistas.

Na média dos postos brasileiros pesquisados pela ANP, houve alta de 1,36% no preço do etanol na semana passada, para R$ 2,983.

Em São Paulo, principal Estado produtor e consumidor, a cotação média do hidratado avançou 1,52% sobre a semana anterior, de R$ 2,768 para R$ 2,810 o litro. No período de um mês os preços do combustível avançaram 6,40% nos postos paulistas.

Além de São Paulo, na comparação mensal os preços do etanol subiram em 16 Estados e no Distrito Federal e recuaram em oito unidades da federação. No Amapá não houve avaliação.

A maior alta mensal, de 8,47%, foi em Goiás. Na média brasileira o preço do etanol pesquisado pela ANP acumulou alta de 5,37% na comparação mensal.

Sergipe registrou a maior baixa no preço do biocombustível na semana passada, de 0,80%, e o maior recuo mensal também foi de um estado nordestino, a Paraíba, com 4,71%.

No Distrito Federal a competitividade com a gasolina está no limite, em 70,05%. Na média brasileira, a paridade é de 63,16% entre os preços médios do etanol e da gasolina, também favorável ao biocombustível.

A gasolina é mais vantajosa no Amapá, com a paridade de 97,79% em relação ao preço do etanol.

Fonte: Estadão Conteúdo*

*Extraída do site Terra